15 de jan de 2008

Moodiness

A mesma paisagem, consoante a hora, a época do do ano, condições climatéricas vai parecer diferente, renovada, silenciosa ou agitada transmitindo uma imagem diferente que nos provoca sensações diversas. Normalmente andamos tão a correr que nem notamos nada além da chuva ou do vento, não notamos a tonalidade, o cheiro não absorvemos as sensações mais subtis para além do frio ou desconforto de um dia de chuva.

Assim como as condições se alteram à nossa volta; também se alteram dentro de nós, um dia estamos mais dispostos a começar algo de novo, se calhar quando a Lua passou, como hoje por Carneiro, outras há que necessitamos de nos sentir protegidos emocionalmente, talvez quando a Lua esteja a transitar pelo signo de Caranguejo. O movimento é no entanto muito rápido, muda de signo a cada 2 dias.
A nossa paisagem interior está também em constante mudança e sujeita a condições planetárias. Ou seja se num belo dia de chuva preferimos ficar em casa, também as nossas necessidades podem divergir com a Lua.

Mais importante do que a Lua ou o Sol ou ainda outro Planeta estar a passar por determinado signo, é o mecanismo que pode ser disparado na nossa carta pessoal, activando uma predisposição natal.
A minha imagem mental para estas situações é a de várias portas para as quais temos as chaves na mão; só que sem etiquetas, não sabemos qual abre qual, de repente abrimos 2 ou 3 de uma assentada. Como aquele dia que conseguimos resolver 3 ou 4 assuntos chatos que se arrastavam.

Caso o transito, não toque um ponto crucial da nossa carta, provavelmente não chegamos a notar a coloração do mesmo, quero dizer a energia que o acompanha ou abertura de qualquer porta.

A não ser no caso dos mais lentos, como é o caso do de Saturno; ainda por cima porque este sendo o tal que nos testa, afecta alguma área da vida cerca de 2-1/2 anos.
Assim quando jantamos com amigos, da mesma idade, talvez todos com o Saturno no mesmo signo, estaremos todos a reclamar o mesmo tipo de pressão que poderá apenas divergir na área de vida de cada um, estas representadas pelas diferentes casas astrológicas.

Nenhum comentário: