24 de mai de 2010

500 borboletas & nós

Com a entrada de Úrano no Ponto Cardinal, além de tudo o que tem sido dito referente ao colectivo e ao pessoal. Não poderemos descurar  o inesperado, o impulso e o desconhecido.
Se a energia é de libertação, de rebeldia, de inovação e mudança. É provável que actos de expressão individualizada nos coloquem em situações novas, em caminhos não trilhados, naquelas alturas em que tudo pode acontecer. Onde os prognósticos de resultado têm que ter em conta factores desconhecidos.

Nestes tempos teremos que contar com a confiança em nós e baseada na nossa autenticidade e motivações; esta energia libertadora que leva o individuo a manifestar a sua necessidade de integração singular na sociedade, trás consigo uma maior responsabilização, proveniente de uma liberdade consciente.
Uma fase durante a qual nos sentiremos postos à prova a cada instante pelas nossas incertezas e vulnerabilidades perante o colectivo. Será na (auto)confiança e nível pessoal de consciencialização que residirá a nossa estrutura para fazer face ao impulso e ao do desassossego que nos levará à mudança, abrindo-nos aos novos desafios. Deixando para trás velhos padrões de comportamento.

Esta responsabilidade é diferente daquela que é representada por Saturno, dentro das estruturas, dos padrões estabelecidos e que com trabalho árduo, afinco e a perseverança bastariam para nos trazer resultados.

A responsabilização aqui será pela consciência do risco, pela diferença com que nos propomos viver que pressupõe uma saída da zona de conforto.
Abrimos para o novo, para a diversão das possibilidades sem certezas.  Expomos-nos sem saber como seremos recebidos como actores que na boca de cena sentem borboletas no estômago, estamos perante a oportunidade de seremos aplaudidos de pé ou de ser vaiados.

Por isso mais do que saber se é boa ou má a mudança, ela deverá ser honesta e desprendida já que quando as borboletas se manifestarem, a consciência do nosso propósito será aquilo que nos sustenta e acalenta.
Alguns (muitos) já sentem na pele este movimento (se olharem para as cartas astrológicas, verão Úrano em transito activo no mapa natal) e por isso vamos assistindo a um maior número de pessoas que procuram o o seu lugar na sociedade nem que para isso tenham que pôr em perigo toda uma estrutura criada e mantida até aqui seja esta familiar ou profissional. Esta onda tende a alastrar-se e uma vez encontrado esse tal lugar, o desafio é abraçado. As borboletas as companheiras de viagem.

14 comentários:

Joana disse...

Engraçado, mas estou mesmo a sentir esta necessidade de mudança... de quebrar a monotonia.

Beijinhos

Ana Cristina disse...

Joana :) que óptimo, estar em sintonia :) beijinho

Sandro Gomes disse...

Ana, um ótimo post! Já estou nesse movimento há algum tempo, mas sei que ele vai engrossar... Mais rupturas a caminho...

Abraços

Ana Cristina disse...

Sandro grata pela apreciação. Confiar no Universo :)e em nós...não tem outro jeito. Praticar o desprendimento.
Abraço

Maria Paula Ribeiro disse...

Boa tarde Ana,

"Expomos-nos sem saber como seremos recebidos como actores que na boca de cena sentem borboletas no estômago, estamos perante a oportunidade de seremos aplaudidos de pé ou de ser vaiados. "

Creio que a mudança está em movimento, sem hipóteses de não retorno. ;)

Bem-hajas amiga.

Luis disse...

... pois é ... tudo convida à mudança e à coragem de nos lançarmos na mudança ! Há que seguir os conselhos do Mestre Saturno, que está do "outro lado" e não temer as ondas de mudança que são sopradas por Mestre Urano. Recebendo os ensinamentos de Saturno navegaremos com toda a velocidade as ondas de mudança de Urano. Foi este um grande ensinamento que a Ana Cristina me deu no Congresso .

Obrigado.

Luis

Ana Cristina disse...

Maria Paula o melhor e ir na onda eléctrica :)conscientes do risco.
Beijo

Ana Cristina disse...

Obrigada Luís, que os Mestres nos acompanhem e nos iluminem.
Abraço

António Rosa disse...

Ana Cristina,

Pois viva o inesperado. Viva! Viva! Tão inesperado que hoje, tinha uma reunião importante para distribuição de livros no Jumbo e, a meio da reunião, surgiu o inesperado: uma ideia nova, que eu não pensara até ao momento, mas que me agradou imediatamente. :)))

Foi uma sensação incrível!

Obrigado.

Ana Cristina disse...

wow António que bom e se o Úrano está activo na sua carta :), fico muito contente.
Beijo

marcelo dalla disse...

Querida!!!! Seus artigos são sempre excelentes, sempre me identifico com eles. Mas este me tocou profundamente. Tudo a ver!!!

Veja, Urano está em trigono com meu Sol, quadratura com minha Lua. Abandonei minha família, voltei pra São Paulo e montei meu consultório de astrologia. Que venham as novidades, estou confiante. Como vc disse, o que nos sustenta é nosso propósito de vida!!!!

bjosssssssss

Ana Cristina disse...

Marcelo, parabéns pela libertação, Úrano em aspecto dinâmico com um planeta pessoal, liberta-nos para a busca da nossa individuação.
Tudo de bom para si querido.
bjo

Anônimo disse...

Ana amei o seu blog , estou fechando dos ciclos na minha vida e com urano me fazendo ver claramente o que tenho que deixar para tras e recomeçar o que deixei de fazer, mas nada como aceitar e se reciclar.
Urano e Plutão, um te move para frente (ou aceita ou eu te mudo) e outro mostra a podridão que estava na vida.

Ana Cristina disse...

Muito obrigada cara anónima :)...é bem verdade tudo o que diz no seu comentário.

Abraço
AC