7 de fev de 2008

Experiência Cientifica


Hoje contactei a empresa fábrica do braço de prata, o que se tornou para mim numa experiência cientifica; depois de ter visto o espaço na televisão e visitado o site promovendo o mesmo para efectuar eventos.
Foi com surpresa que ao referir a natureza do meu evento/workshop para o qual procurava local, como de cariz astrológico, o sr. educadamente me disse que o espaço não se coadunava por ele (o sr.) ser de ciências.

Agradeci educadamente e desliguei, ainda atónita fui relembrando homens que fizeram história e que se esforçaram por credibilizar a astrologia; falo de sábios, matemáticos, cientistas, físicos, escritores, alguns laureados pela academia que atribuí os prémios Nobel e que ao longo da sua vida estudaram e defenderam a astrologia como arte ou ciência.
A saber:
Leon Lasson; Leonard J. Ravitz; Lockyer; Memery; Menaker; Michel & Françoise de Gauquelin; Moore; Nodon; Podsibyakin; Robert Becker; Rudolf Tomaschek; Sardou; St. Hilaire; Steiner; Takata; Yamahaki; Adams; Alberto Magno; Al Kowarezmi (Pai da Álgebra); Alexis Carrel (Prêmio Nobel-Medicina 1912);
Allendy; André Breton; Aristóteles; Arrhenius (Prêmio Nobel-Química 1903);
Balzac; Benjamin Franklin; Bode; Robert Boyle; Luís de Camões; Campanella; Cardan; Charles Nordmann; Claude Lévy-Strauss; Confúcio; Copérnico; Cristóvão Colombo; Dante; D'Arsonval; Edison; Einstein (Prêmio Nobel-Física 1921); Emerson; Enrico Fermi; Francis Bacon; Frobenius; Fludd; Gabriel Marcel;
Galileu; Giordano Bruno; Goethe; Henrique de Sagres; Henry Miller;Herman Hesse (Prêmio Nobel-Literatura 1946); Hermes Trismegisto; Hiparco; Hipócrates; Jean Cocteau; Jefferson; John Flamstead; John Milton; John O'Neill (Prêmio Pulitzer 1937); Júlio II; Júlio César; Julius Robert Oppenheimer; Junctino; Jung; Kepler; Lao-Tse; Leon Vannier; Leonardo Da Vinci;Maeterlinck (Prêmio Nobel-Literatura 1911); Malba Tahan; Mark Twain; Masson-Oursel; Marco Polo; Max Jacob; Mozart; Napier (Pai dos logaritmos); Nehru; Indira Gandhi; Newton; Niels Bohr; Norman Mailer (Prêmio Pulitzer 1969); Omar Khayyan; Paracelso; Pasteur; Pauli (Prêmio Nobel-Física 1945); Percy Seymour; Pitágoras; Platão; Plotino; Porta; Ptolomeu;
Raymond Abellio; Richet; Riquet;Romain Rolland (Prêmio Nobel-Literatura 1915); Roger Bacon; Rudyard Kipling (Prêmio Nobel-Literatura 1907); São Tomás de Aquino; Scalígero; Seligman; Shakespeare;Sisto IV; Swendenborg; Theodore Roosevelt (Prêmio Nobel-Paz 1906); Tisserandt (Cardeal); Tagore (Prêmio Nobel-Literatura 1915); Tycho Brahe; W. Drumond;Walter Scott; W. Heisenberg.

2 comentários:

Tko disse...

fiquei aqui à imaginar..que tipo de Ciência será esta pessoa?..rsrs..o riso é inevitável

Ana Cristina Corrêa Mendes disse...

...eu também, por certo alguma bastante hermética...