29 de ago de 2008

Potencial


Imaginem olhar este horóscopo na altura do nascimento, sabendo apenas que é um homem, nascido a 1 de Setembro de 1950 ás 19;15 em Vinita OK. Perguntando o que poderia ele vir a fazer na vida.
Começando por olhar o MC que regido por Jupiter também a reger a casa 9 e em Peixes, nos sugere um alargamento dos assuntos filosóficos e académicos, podendo haver mais de um interesse e isto é tão mais importante por estando peregrino e quindecile a Plutão, a expansão das perspectivas a necessidade de poder e sucesso. Sendo Plutão regente da 8 ficamos alerta para o negócio de vulto e assuntos do foro psicológico. Seguimos para Neptuno que também está peregrino, em Libra e angular, sendo o regente da casa da ID, podemos antever uma necessidade de expressão criativa, de uma forma pública e alargada, o que é reiterado por Neptuno quindecile ao eixo Lunar, o propósito de trazer aos outros a fé e confiança e uma infância marcada pela figura materna num outro âmbito de análise, mais tarde uma vez que toca o MC, indicador de contactos com o público. De Neptuno vamos para Vénus que rege a 2 e co-rege a 7, toca do MC o que confirma a ideia de administração de negócio e a projecção pública e conjunto a Plutão faz-nos antever dimensão. Numa outra perspectiva sabemos que auto-estima e assuntos de parcerias estão tensos. Este par disposto pelo Sol que nos leva para Mercúrio e este de volta a Vénus. O Sol está no meio destes, deve ser importante e a reger a casa 6 onde eles estão, sugere que esteja envolvido em serviço social nesta projecção pública. Há que pegar outra ponta do novelo. A Lua que está na casa 2, necessita brilhar e ostentar toca o MC, vendo a casa que rege a casa 5, entretenimento. O negócio do entretenimento começa a ser claro. Saturno, angular a reger a casa 11, toca o MC também está peregrino, trazendo à baila grandes organizações que poderão ter fins humanitários. Num outro tipo de analise, um enorme necessidade de ser apreciado. Úrano também contacta o MC, sugerindo inovação e como rege a casa 12, um serviço institucional e humanitário.
Nesta altura poderíamos ver que este homem tinha o potencial de uma projecção pública, aliado ao negocio de volume nas áreas de entretenimento e cuidados para com os outro. Englobando acções sociais e relacionais, de uma forma pioneira. Uma conversa com ele aos 18 anos arco solar de Marte a Jupiter, e Jupiter no Ascendente, a expansão da expressão pessoal e física, o jovem que viria a ser mundialmente conhecido por Dr. Phil McGraw, ganha um bolsa de estudos graças à sua habilidade para o futebol, (assinatura atlética incompleta) poderíamos ter adiantado que o desporto não seria a sua área de eleição. Saturno a fazer um arco solar a Úrano alertaria para uma mudança, nesse ano a equipa sofre um revés e ele é então transferido para outra universidade. Onde se inscreve no curso de Psicologia, que era o sonho de vida do pai dele (que se vem a formar também aos 40 anos) na altura o transito de Plutão atacava o MC para o ponto de viragem importante na carreira. Veríamos também que por arco solar de Plutão estaria em cima do Sol, por altura do fim do curso, os assuntos de "serviço social" estariam enfatizados. Não falo da segurança social, mas da essência da casa 6, onde somos chamados a fazer algo e a colaborar com os outros. O que faz todo o sentido neste horóscopo, Mercúrio natural regente, tão próximo do Ponto Cardinal, angular e para os mais técnicos a importância dos pontos médios. Hoje em dia existem mil e um cursos e formas de aplicação dos conhecimentos, se esta amplitude ajuda também complica. A educação deve ser encarada como um recurso que nos permite fazer o que ambicionamos.

4 comentários:

cova-do-urso disse...

Magnífico.

Abraço

António

Ana Cristina Corrêa Mendes disse...

Obrigada :-) resto de bom dia António.

cova-do-urso disse...

Ana Cristina,

Vim cá, outra vez, fazer o exercício, step-by-step. Fantástico.

Aprendi uma coisa que sempre me deixou curioso: como considerar o regente de um signo interceptado? Pois claro que é o co-regente dessa casa. :)

E atrevo-me eu a dar algumas consultas... Devia era estar quieto e calado, apenas a estudar.

Grato,

António

Ana Cristina Corrêa Mendes disse...

Agora fez-me rir António. Todos aprendemos todos os dias, i.e. se quisermos.

Abraço